Assinatura RSS

Arquivo da categoria: Petiscos

Biscoito de amêndoas e camomila

Publicado em

Sempre que vou pra casa dos meus pais, eu e minha mãe tiramos uma tarde para fazer biscoitos de nata. Tirá-los quentinhos do forno e salpicá-los com açúcar e canela é sempre uma delícia!

Aqui no estado de São Paulo, porém, é bem mais difícil de encontrar uma boa nata do que no interior de Minas Gerais, então adaptei a receita e usei creme de leite no lugar.

Os biscoitos não ficaram tão macios quanto ficariam com a nata, mas como eu gosto do prático e fácil de achar, aprovei a mudança. Foi difícil comer um só, ou dois, ou três..

Ingredientes:

2 ovos

1 caixinha de creme de leite

1 colher de sopa de manteiga

2/3 xícara de açúcar

1/2 Kg de farinha de trigo

1 colher de café de fermento em pó

1/2 xícara de amêndoas picadas

2 colheres de sopa de flores de camomila

Bata com um fouet ou colher todos os ingredientes na seguinte ordem: Primeiro os ovos, acrescente o creme de leite e a manteiga e por último o açúcar. Vai se formar um creme não muito grosso, então misture a farinha, o fermento, as amêndoas e a camomila aos poucos amassando com as mãos apenas o suficiente para a massa juntar e formar uma bola. Se trabalhar demais a massa, os biscoitos ficam duros depois.

Para cortar as bolachinhas eu uso um truque: corto dois retângulos de plástico filme (daqueles que a gente usa pra guardar alimentos na geladeira), coloco um retângulo por baixo, metade da massa, e cubro com a outra parte do plástico. Feito isso, abro a massa normalmente com um rolo e, assim, a massa não gruda nadinha! Depois é só tirar o plástico para cortar!

Depois de abrir a massa com mais ou menos 1/2 centímetro de altura, corto os quadrados, coloco em uma assadeira enfarinhada e levo ao forno médio pré aquecido por uns 15 minutos ou até a parte de baixo começar a dourar.

Depois de frio, passe para um pote com tampa e eles vão durar por até uma semana.

Anúncios

Pasta de Espinafre e Cogumelos

Publicado em

Quem acompanha o blog já tá mais do que careca de saber que sou apaixonada por receitas práticas e rápidas que não pecam no sabor, não é?

Essa semana, arrumando a casa e mexendo naqueles cantinhos que são verdadeiras máquinas do tempo, encontrei um livrinho de receitas vegetarianas antiiigo e fui logo salivar. Dei de cara com uma pasta de agrião com cogumelos, mas como eu não gosto muito de agrião e não tinha alguns dos ingredientes em casa, resolvi apenas me inspirar. O resultado foi fantástico de bom!!!

É uma pasta leve e de sabor agradável que leva coalhada no lugar da maionese ou requeijão.

Ingredientes:

1 molho de espinafre (equivalente a mais ou menos 2 copos de folhas de espinafre)

2 xícaras de cogumelos frescos picados em tiras (usei Shitake)

1 copo de 200ml de coalhada desnatada

1 cebola pequena

2 dentes de alho picados ou esmagados

2 colheres de mostarda (usei a mostarda com mel da Hemmer que é delícia)

2 colheres de shoyu

1/3 xícara de manjericão fresco

2 colheres de azeite

Modo de Fazer:

Refoguei o alho e cebola no azeite, juntei os cogumelos e refoguei até ficarem macios. Juntei o espinafre e refoguei por 1 minuto, apenas para que as folhas murchassem levemente.

Depois é só colocar o refogado com os demais ingredientes no liquidificador ou processador e bater até ficar homogêneo.

Leve para gelar por, pelo menos, 2 horas antes de servir.

Muito bom com pão de forma integral, sírio e torradas.

Beijinho e boa semana!

Bolinho de Mandioca

Publicado em

Não sou muito de frituras, mas adooooro um bolinho de mandioca (aipim) quentinho e derretendo na boca!!

É rápido de fazer, a massa fica sequinha e dá para rechear com o que quiser. Gosto de rechear com um pedaço de queijo ou então com um recheio de carne de soja, como esse aqui.

 

Ingredientes:

1 kg de mandioca cozida já com sal e espremida (aquela que fica branca quando cozida, pois a amarela fica muito mole)

2 colheres de maionese

1 pitada de sal caso necessário

farinha para modelar

Modo de fazer:

É só misturar tudo, menos a farinha. Pegar pedaços de massa, rechear e rolar na farinha apenas para ajudar a modelar.

Depois é fritar em óleo bem quente até dourar!

É importante que a mandioca esteja firme e sequinha depois de cozida, caso contrário o bolinho ficará muito mole e você não conseguirá enrolar sem usar muita farinha de trigo e ele poderá desmanchar na hora de fritar. Por isso use a mandioca que fica branca após cozida que é própria para bolinhos.

Bom fim de semana!

 

Pão de queijo rapidinho

Publicado em

Hello people!

Não disse nada por aqui antes, mas passei essa semana viajando e o blog acabou ficando meio abandonadinho!

Mas o layout é novo, hum hum!!

Cheguei esta madrugada, então a cabeça ainda está meio lenta… vou deixar uma receita aqui rapidinho e durante a semana conto melhor  como estão as coisas!

Essa receita de pão de queijo não é a receita mineira tradicional, mas é bem rapidinha e mata bemm a vontade naqueles dias com preguiça de mais e tempo de menos!

Ingredientes:

2 caixinhas de creme de leite

2 copos de queijo ralado (gosto de usar o Minas meia cura)

2 copos de polvilho azedo

1 ovo

1 pitada de sal

Modo de Fazer:

Misturar tudo e fazer as bolinhas! LOL

Eu sempre bato o ovo com um garfo ou fouet e depois misturo o resto, vejo se o sal é suficiente e pronto! Faço bolinhas e coloco em uma assadeira untada com espaço entre um pão de queijo e outro e asso em forno médio até dourar.

Croutons Temperados com Azeite e Ervas Finas

Publicado em

Ontem quando eu postei a receita do creme de palmito com alho poró ia postar, também, essa receita rapidinha de croutons caseiros, mas acabei me esquecendo!

É tão rápido, tão fácil e tão gostoso, que não dá mais vontade de tomar sopas com os croutons comprados no mercado!

Usei pão integral, fatiei e depois cortei cada fatia em cubos.

Espalhei em uma assadeira, reguei com azeite (não precisa usar muito, senão fica encharcado depois), salpiquei com sal e com uma misturinha de ervas finas secas dessas que a gente compra no mercado.

Depois é só levar pra assar até ficar em sequinho como uma torradinha.

Delíícia com um creme, uma sopa.

Bom demais!!

Bom finzinho de domingo!!

beijinhos

Castanhas Caramelizadas

Publicado em

Sabe aquela sensação de andar pelo shopping e começar a sentir aquele cheirinho delícia de açúcar derretido de castanhas caramelizadas daquelas lojinhas que ficam no centro dos corredores?

Lembrou da sensação??

Então imagina esse cheirinho inundando a sua cozinha??? =D

Hoje acordei com uma vontade insana de comer aquelas castanhas mas:

a- moro longe do shopping

b- não tenho carro

c- está um clima infernal para ir de ônibus

d- o preço é um tanto abusivo para um pacotinho tão pequeno!!!

Acabei indo comprar um mix de castanhas e optei por fazer em casa mesmo!!

Ficou muiito bom e o gosto muito parecido com as compradas! A de nozes, principalmente!

Aqui vai a receita facinha facinha, rapidinha!!

Ingredientes:

Castanhas, nozes, amêndoas, avelãs, amendoins, macadâmias, etc!! Essa receita pode ser feita com qualquer tipo de castanhas!!

Açúcar refinado

Fermento em pó

Água

Para cada 500g de castanhas você vai usar 2 xícaras de açúcar e 1/2 de água.

O fermento em pó é apenas uma pitadinha.

Modo de fazer:

Basta misturar tudo em uma panela e levar ao fogo alto sem parar de mexer com uma colher de pau! Basta mexer bem em fogo alto por uns 15 a 20 minutos.

O processo pode demorar mesmo, mas depois de uns 15 minutos a água secará e o açúcar começará a grudar nas castanhas, nesse momento mexa muito bem e desligue o fogo quando estiverem douradinhas do seu gosto.

Depois é só espalhá-las em uma travessa para que sequem sem grudar umas nas outras. Espere esfriar e está pronto!

Depois de prontas e frias é só guardar em um pote com tampa! =D

Até a próxima!

Beijinhos